Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2016

Postagem em destaque

SumUp Maquininha de Cartão Barata

Chat Online Tire Suas Dúvidas: Clique Aqui.
Maquininha barata e com a melhor taxa para venda parcelada A SumUp está atraindo cada vez mais clientes com estratégias competitivas. Cobrando taxas apenas sobre transações realizadas (sem mensalidade, taxa de assinatura ou de saque), a empresa ampliou as opções em planos para retirada de saldos e agora conta com um cartão pré-pago, uma solução para quem não tem conta bancária. Prós: Maquininha barata. Aceita conta poupança. Melhor taxa de parcelamento. Saldo direto na conta. Ótimo atendimento ao cliente. Cartão pré-pago. 10 anos de garantia. Aceita Elo.Contras: Cadastro bancário leva 3 dias úteis. Alteração de dados somente via e-mail ou telefone.Compre SumUp se: você quer um leitor barato, confiável, que ofereça a melhor taxa para venda parcelada e que aceite os principais cartões de crédito e de débito.Confira na tabela a seguir as principais características dos leitores de cartão de crédito e de débito da alemã SumUp: ChipTopR$58,80 ou 12x…

Comércio está autorizado a aplicar preço diferente de acordo com a forma de pagamento

Talvez muitos consumidores já estavam acostumados a ganhar desconto nos pagamentos à vista, em dinheiro vivo. No entanto, esta prática era proibida no Brasil, até segunda-feira. Isso mesmo, era. Desde ontem, o comércio varejista, que já vinha praticando essa diferença na hora da cobrança, está autorizado a cobrar preços diferentes para compras feitas em dinheiro, cartão de débito ou cartão de crédito.

Bancos empurram cartão Elo e clientes reclamam

São Paulo - Bradesco, Caixa e Banco do Brasil priorizam emitir cartões com a bandeira Elo, da qual são sócios, o que vem provocando queixas de clientes em sites como o Reclame Aqui.
O principal motivo de descontentamento com a bandeira, criada em 2010, é a falta de aceitação do cartão em estabelecimentos pelo país, o que provoca constrangimentos (e já gerou até memes). Surpreendidos com o cartão, clientes buscam mudar a bandeira do plástico para as líderes do mercado, Visa e MasterCard.
É o caso da professora Elza Mauricio Moreira, 61, que tinha um cartão com a bandeira Visa e aponta que o Banco do Brasil fez, sem motivo aparente, a troca para a bandeira Elo. Foi aí que começaram os problemas, conta Elza, que pede a troca do plástico ao banco para outro com a bandeira antiga.
“Percebi que o cartão não é aceito em muitos lugares. Alguns colocam cartazes, mas outros parecem disfarçar e acabam dizendo que a máquina que aceita o cartão está sem conexão. Não costumo andar com dinh…

Sem aluguel, maquininhas para pagamento com cartão conquistam empreendedores.

Opção é prática e financeiramente mais vantajosa do que os tradicionais leitores de cartão de crédito/débito.
O atual momento econômico que atravessa o país tem incentivados milhares de empreendedores a buscar novos caminhos na intenção de driblar a crise e manter o nível de renda. Para facilitar a forma com que esses profissionais fazem a cobrança de serviços com seus clientes, diversas empresas surgiram no mercado com o objetivo de oferecer soluções de pagamento móvel por meio de inovadores leitores de cartões de crédito ou débito. A tecnologia é mais prática e barata que as tradicionais maquininhas de cartão.
O número atual de desempregados no país supera os 9 milhões, segundo o IBGE. Dados do Sebrae revelam que três a cada dez dispensados do antigo trabalho decidem empreender.